25 de julho de 2012

REDE BRASIL-AMAZÔNICA DE GESTÃO ESTRATÉGICA DE DEFESA E SEGURANÇA PÚBLICA E DESENVOLVIMENTO


Trata-se de um projeto de pesquisa que busca fazer uma análise interdisciplinar de temas relevantes para a questão da segurança pública nas fronteiras e nas cidades da Amazônia, entre os quais narcotráfico, contrabando, biopirataria e criminalidade.

É o que pretende o projeto terá a duração de cinco anos. Segundo professor e pesquisador, Aiala, “buscaremos realizar nossas políticas a partir da Geografia, da Ciência Política, das Ciências Jurídicas, da Economia, dentre outras que tenham interesses na temática".


A Pesquisa é composta pelos pesquisadores Durbens Martins Nascimento (Naea/UFPA), Jarsen Luis Castro Guimarães (Ufopa), e mais Aurilene Gomes e Wando Miranda. "Isso não exclui a possibilidade de alunos de graduação ou pós graduação participarem como colaboradores do projeto de pesquisa", acrescenta ele.

Entre os objetivos do projeto estão, segundo Aiala, a construção, a partir de várias pesquisas, de uma reflexão crítica sobre o papel da Amazônia no contexto da defesa nacional e da segurança pública, visto que existe uma preocupação geopolítica em relação à região amazônica no que diz respeito à defesa nacional.

"A imensa fronteira em grande parte em áreas de baixa densidade demográfica, a localização próxima aos principais produtores de cocaína do mundo, a presença de guerrilhas em países vizinhos, além da questão que envolve os recursos naturais e o meio ambiente, são temas de interesses não apenas brasileiro, mas também de países que tem um certo ‘interesse’ na Amazônia.

A Amazônia tem um papel singular para a economia internacional do tráfico de drogas. E, por isso, não podemos desconsiderar a funcionalidade que a região exerce nesse contexto", explica o pesquisador da Uepa.

Na prática, a pesquisa busca criar projetos de teses de doutorado que estejam relacionados ao tema central do projeto. "Isso acarretará na construção de um banco de dados a partir da análise de documentos, relatórios, referenciais teóricos e pesquisas de campo", diz o professor Aiala.

Segundo ele, o resultado trará a possibilidade de se pensar em políticas públicas que dêem resultados positivos no combate à criminalidade e à violência urbana.

“Pois, em nosso entendimento, existe uma lacuna muito grande entre as políticas públicas de segurança e o resultado de pesquisas realizadas sobre a temática”.

 Figura 2 - Prof. e Pesquisador Aiala

“Temos interesse de produzir resultados que sejam levados em consideração pelas políticas de Estado”, afirma.
 
Fonte:
http://www2.ufpa.br/naea/det_noticias.php?id_noticia=883
http://agbbelem.webnode.com.br/news/rede-brasil-amazonica-de-gest%C3%A3o-estrategica-de-defesa-e-seguran%C3%A7a-publica-e-desenvolvimento/

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Representações Cartográficas

Globo - representação esférica, em escala pequena, dos apectos naturais e artificiais de uma figura planetária, com finalidade ilustrativa.

Mapa - representação plana, em escala pequena, delimitada por acidentes naturais ou políticos-administrativos, destinada a fins temáticos e culturais.

Cartas - representação plana, em escala média ou grande, com desdobramento em folhas articuladas sistematicamente, com limites de folhas constituídos por linhas convencionais, destinada a avaliação de distância e posições detalahadas.

Planta - tipo particular de carta, com área muito limitada e escala grande, com número de detalhes consequentemente maior.

Mosaiso - conjunto de fotos de determinada área, montadas técnica e artisticamente, como se o todo formasse uma só fotografia. Classifica-se como controlado, obtido apartir de fotografia aéreas submetidas a processos em que a imagem resultante corresponde à imagem tonada na foto, não controlado, preparado com o ajuste de detalhes de fotografia adjacentes, sem controle de termo ou correção de fotografia, sem preocupação com a precisão, ou ainda semicontrolado, montado combinando-se as duas características descritas.

Fotocarta - Mosaico controlado, com tratamento cartográfico.

Ortofotocarta - fotografia resultante da transformação de uma foto original, que é um perspectiva central do terreno, em uma projeção ortogonal sobre um plano.

Ortofotomapa - conjunto de várias ortofotocartas adjacentes de uma determinada região.

Fotoíndice - montagem por superposição das fotografias, geralmente em escala reduzida. É a primeira imagem cartográfica da região. É o insumo necessário para controle de qualidade de aerolevantamentos utilizados na produção de cartas de métedo fotogramétrico.

Carta Imagem - imagem referênciada a apartir de pontos identificáveis com coordenadas conhecidas, superposta por reticulado da projeção

Revista Geografia, Conhecimento Prático, n 23, p 54. ed. Escala