8 de maio de 2010

Escala Gráfica


Nos mapa em geral são apresentadas dus formas de escalas: Escala númerica e escala gráfica.
As escala pode ser defenida como uma relação ou proporção existente entre distâncias lineares representadas em um mapa e aquelas existentes no terreno, ou seja, na superfície real.
A escala gráfica é representada por uma linha ou barra (régua) graduada, contendo subdivisões denominadas TALÕES. Cada talão apresenta a relação de seu comprimeto com valor correspondete no terreno, indicado sob forma númerica, na sua parte inferior. O talão, preferêncialmente, deve ser expressos por um valor inteiro.
Normalmnete utilizada em mapas digitais, a escala gráfica consta de duas porções: A principal: desenhada do zero para direita e a fracionada: do zero para a esquerda, que corresponde ao talão da fração principal subdividido em dez parte.
 A aplicação prática dessa maneira de representação se dá de forma direta, bastando utilizá-la como uma régua comum. Para isso, basta copiá-la num pedaço de papel, afim de relacionar as distâncias existentes no mapa e na realidade ou simplismente utilizar uma régual para medir a distância desejada no mapa e em seguida posicioná-la logo abaixo da escala gráfia para então determinar a distância.

Um comentário:

Representações Cartográficas

Globo - representação esférica, em escala pequena, dos apectos naturais e artificiais de uma figura planetária, com finalidade ilustrativa.

Mapa - representação plana, em escala pequena, delimitada por acidentes naturais ou políticos-administrativos, destinada a fins temáticos e culturais.

Cartas - representação plana, em escala média ou grande, com desdobramento em folhas articuladas sistematicamente, com limites de folhas constituídos por linhas convencionais, destinada a avaliação de distância e posições detalahadas.

Planta - tipo particular de carta, com área muito limitada e escala grande, com número de detalhes consequentemente maior.

Mosaiso - conjunto de fotos de determinada área, montadas técnica e artisticamente, como se o todo formasse uma só fotografia. Classifica-se como controlado, obtido apartir de fotografia aéreas submetidas a processos em que a imagem resultante corresponde à imagem tonada na foto, não controlado, preparado com o ajuste de detalhes de fotografia adjacentes, sem controle de termo ou correção de fotografia, sem preocupação com a precisão, ou ainda semicontrolado, montado combinando-se as duas características descritas.

Fotocarta - Mosaico controlado, com tratamento cartográfico.

Ortofotocarta - fotografia resultante da transformação de uma foto original, que é um perspectiva central do terreno, em uma projeção ortogonal sobre um plano.

Ortofotomapa - conjunto de várias ortofotocartas adjacentes de uma determinada região.

Fotoíndice - montagem por superposição das fotografias, geralmente em escala reduzida. É a primeira imagem cartográfica da região. É o insumo necessário para controle de qualidade de aerolevantamentos utilizados na produção de cartas de métedo fotogramétrico.

Carta Imagem - imagem referênciada a apartir de pontos identificáveis com coordenadas conhecidas, superposta por reticulado da projeção

Revista Geografia, Conhecimento Prático, n 23, p 54. ed. Escala