24 de agosto de 2010

Artigo ENG 2010: QUESTÃO AMBIENTAL DO CANAL SÃO JOAQUIM

A QUESTÃO AMBIENTAL DO CANAL SÃO JOAQUIM:
UM ESTUDO DE CASO

3. ÁREA DE ESTUDO

A Região Metropolitana de Belém – RMB possui grande parte do seu território constituído de corpos hídricos (canais, igarapés, rios, etc.). Nas últimas décadas, o elevado e desordenado crescimento populacional desta região associado à falta de estações de tratamento de esgoto em operação, promovem degradação contínua destes corpos receptores.

Em apenas dez anos, Rio São Joaquim virou um esgoto a céu aberto. No início da decáda de 90, o Rio São Joaquim tinha águas cristalinas. O estudo está sendo realizado no canal São Joaquim, do ponto 1 ao ponto 2, como mostra a imagem 01. O canal está faz parte da bacia do Una, localizado entre os bairros do Barreiro, Sacramenta e Telegráfo, pertencentes a Região Metropolitana de Belém. O clima da região pertence à categoria equatorial quente úmido, cujas características principais são altas temperaturas, ventos de pouca velocidade intercalados por calmarias freqüentes, umidade relativa do ar elevada e precipitações anuais abundantes em torno de 2800mm/ano com maior freqüência de chuvas no período de janeiro a junho e picos observados nos meses de março. A temperatura média anual de 26ºC, com máxima de 34ºC e mínima de 18ºC; umidade média do ar totalizando 85%. (Belém, 2000).

Leia nosso Artigo em:
http://www.google.com.br/search?hl=pt-BR&q=canal+s%C3%A3o+joaquim+uma+quest%C3%A3o+ambinetal&btnG=Pesquisar&meta=&aq=f&aqi=&aql=&oq=&gs_rfai=

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Representações Cartográficas

Globo - representação esférica, em escala pequena, dos apectos naturais e artificiais de uma figura planetária, com finalidade ilustrativa.

Mapa - representação plana, em escala pequena, delimitada por acidentes naturais ou políticos-administrativos, destinada a fins temáticos e culturais.

Cartas - representação plana, em escala média ou grande, com desdobramento em folhas articuladas sistematicamente, com limites de folhas constituídos por linhas convencionais, destinada a avaliação de distância e posições detalahadas.

Planta - tipo particular de carta, com área muito limitada e escala grande, com número de detalhes consequentemente maior.

Mosaiso - conjunto de fotos de determinada área, montadas técnica e artisticamente, como se o todo formasse uma só fotografia. Classifica-se como controlado, obtido apartir de fotografia aéreas submetidas a processos em que a imagem resultante corresponde à imagem tonada na foto, não controlado, preparado com o ajuste de detalhes de fotografia adjacentes, sem controle de termo ou correção de fotografia, sem preocupação com a precisão, ou ainda semicontrolado, montado combinando-se as duas características descritas.

Fotocarta - Mosaico controlado, com tratamento cartográfico.

Ortofotocarta - fotografia resultante da transformação de uma foto original, que é um perspectiva central do terreno, em uma projeção ortogonal sobre um plano.

Ortofotomapa - conjunto de várias ortofotocartas adjacentes de uma determinada região.

Fotoíndice - montagem por superposição das fotografias, geralmente em escala reduzida. É a primeira imagem cartográfica da região. É o insumo necessário para controle de qualidade de aerolevantamentos utilizados na produção de cartas de métedo fotogramétrico.

Carta Imagem - imagem referênciada a apartir de pontos identificáveis com coordenadas conhecidas, superposta por reticulado da projeção

Revista Geografia, Conhecimento Prático, n 23, p 54. ed. Escala