20 de outubro de 2013

APOSTILA DE INTRODUÇÃO AO QUANTUM GIS - LISBOA

 
Gostaria de apresentar minha primeira proposta de Apostila de utilização do software de Sistema de informação geográfica (SIG) “Quantum Gis”. O objetivo deste material é a socialização do conhecimento sobre utilização do Sistema de Informação geográfica " Quantum Gis. A apostila é uma proposta de qualificação e atende, um setor específico do mercado de trabalho, profissionais e estudantes de todos os níveis que utilizem dados geográficos em Sistemas de Informações Geográficas e Imagens de Satélites.
 

 
A apostila possui o seguintes tópicos
 
ÍTEM
TÓPICOS
PÁGINA
1
INSTALAÇÃO DO SOFTWARE QUANTUM GIS 1.8 Lisboa
4
2
ESTRUTURA DO SOFTWARE QUANTUM GIS 1.8 Lisboa
5
3
FORMATO DE DADOS ESPACIAIS E TABULARES.
5
4
INICIANDO A UTILIZAÇÃO NO Q GIS
5
5
CONFIGURANDO O QUANTUM GIS PARA DOWNLOAD E ATUALIZAÇÃO DE COMPLEMENTOS.
6
6
CONFIGURANDO OPÇÕES.
8
7
CONFIGURANDO AS PROPRIEDADES DO PROJETO.
9
8
ADICIONAND ACESSO AS PROPRIEDADES DO QUANTUM GIS
9
9
ACESSO AS PROPRIEDADES DO QUANTUM GIS
10
10
ACESSO A TABELA DE ATRIBUTO DA CAMADA
11
11
CALCÚLO DE ÁREA E PERÍMETRO NO QUANTUM GIS.
11
12
BAIXANDO DADOS DE SUPERFICIE DE ANÁLISE
12
13
MOSAICO DE IMAGEM DE SENSORES REMOTOS
13
14
RECORTE DE IMAGEM DE SENSORIAMENTO REMOTO
14
15
GERANDO SUPERFICIE DE ANÁLISE
15
16
CONVERSÃO DE RASTER PARA VETOR
17
17
COMPOSIÇÃO DE BANDAS
18
18
GERAR NDVI (sigla em inglês para índice de vegetação por diferença normalizada)
19
 
 

 




2 comentários:

  1. Valeu Leonardo. Agente agradece a força!!!

    ResponderExcluir
  2. Excelente Material amigo Leonardo !

    Grande abraço

    Milton Vaz

    ResponderExcluir

Representações Cartográficas

Globo - representação esférica, em escala pequena, dos apectos naturais e artificiais de uma figura planetária, com finalidade ilustrativa.

Mapa - representação plana, em escala pequena, delimitada por acidentes naturais ou políticos-administrativos, destinada a fins temáticos e culturais.

Cartas - representação plana, em escala média ou grande, com desdobramento em folhas articuladas sistematicamente, com limites de folhas constituídos por linhas convencionais, destinada a avaliação de distância e posições detalahadas.

Planta - tipo particular de carta, com área muito limitada e escala grande, com número de detalhes consequentemente maior.

Mosaiso - conjunto de fotos de determinada área, montadas técnica e artisticamente, como se o todo formasse uma só fotografia. Classifica-se como controlado, obtido apartir de fotografia aéreas submetidas a processos em que a imagem resultante corresponde à imagem tonada na foto, não controlado, preparado com o ajuste de detalhes de fotografia adjacentes, sem controle de termo ou correção de fotografia, sem preocupação com a precisão, ou ainda semicontrolado, montado combinando-se as duas características descritas.

Fotocarta - Mosaico controlado, com tratamento cartográfico.

Ortofotocarta - fotografia resultante da transformação de uma foto original, que é um perspectiva central do terreno, em uma projeção ortogonal sobre um plano.

Ortofotomapa - conjunto de várias ortofotocartas adjacentes de uma determinada região.

Fotoíndice - montagem por superposição das fotografias, geralmente em escala reduzida. É a primeira imagem cartográfica da região. É o insumo necessário para controle de qualidade de aerolevantamentos utilizados na produção de cartas de métedo fotogramétrico.

Carta Imagem - imagem referênciada a apartir de pontos identificáveis com coordenadas conhecidas, superposta por reticulado da projeção

Revista Geografia, Conhecimento Prático, n 23, p 54. ed. Escala